Início/Dicas, Projetos/Sistema Hidráulico: 8 sinais de que ele pode estar com problemas

Sistema Hidráulico: 8 sinais de que ele pode estar com problemas

Algo que se espera em uma edificação, seja ela residencial ou comercial é o fornecimento contínuo e suficiente de água, boas condições de higiene, saúde e conforto aos usuários e durabilidade das canalizações e peças hidráulicas.

Os sistemas hidráulicos – constituídos por tubos, conexões, registros, reservatórios, bombas hidráulicas, dentre outros aparelhos, possuem uma relação complexa e dinâmica com seus usuários e subsistemas. Esse fato pode causar diversos problemas no sistema hidráulico de edificações, como variação de pressão, vazão e/ ou temperatura e problemas específicos em determinados equipamentos. A seguir, listamos sinais que podem traduzir falhas no sistema hidráulico:

1. Qualidade “duvidosa” da água

Aumento da turbidez ou mudança na cordifferent plumbing and metal accessories on the layout of apartments da água podem ser sinais de que há acúmulo de matéria orgânica e inorgânica nos reservatórios, que são considerados os maiores responsáveis pela qualidade da água (ou pela falta dela).

Em geral, a localização imprópria do reservatório, a falta de manutenção (limpezas periódicas) e a falta de cobertura adequada contribuem para esse acúmulo de matéria orgânica e inorgânica que consomem o cloro e diminuem o oxigênio dissolvido da água.

Além de termos uma água imprópria para o consumo, existem peças hidráulicas, como os hidrômetros, que necessitam de uma água isenta de impurezas para funcionar em seu perfeito estado.

2. Vazamentos e ruídos nas canalizações e aparelhos

Existem inúmeras causas para os vazamentos como: tubos e/ou juntas de vedação que não foram adequadamente escolhidos(as) ou adequadamente instalados(as), instalação inadequada de peças, como válvulas de descarga que possui uma grande abertura ocasionando velocidades elevadas na canalização que a alimenta, causando rompimento ou vazamento caso apresente fechamento rápido.

O conforto acústico da edificação pode ser bastante afetado pelos sistemas hidrossanitários. Braçadeiras metálicas podem ser responsáveis pelo acréscimo nos níveis de som emitidos pelas vibrações causadas pelo escoamento de líquidos dentro das tubulações, uma vez que não amortecem tais ruídos.

Além disso, excesso de conexões, emendas, estrangulamentos e mudanças abruptas na área das tubulações podem causar ruídos. Verificar essas características é essencial para o bom desempenho do sistema hidráulico.

3. Infiltrações

As infiltrações têm diversas causas, as principais são: umidade, tubulação com vazamento, impermeabilização de lajes e/ou marquises malfeitas. Para sabermos se o problema tem mesmo relação com o sistema hidráulico devemos checar a tubulação e verificar se os registros estão bem vedados, a norma brasileira NBR 15055/2004 permite que os registros não sejam 100% vedados, porém quanto melhor a vedação, menor o desperdício de água em todo o sistema.

4. Mau cheiro

Ralos com problemas no selo hídrico ou nos sifões, falta de rejunte nos vasos e mictórios e mau vedação do sistema de ventilação são as principais causas de mau cheiro em instalações hidrossanitárias. Além disso, o mau cheiro pode ser causado tanto por caixas de gordura e de inspeção, quando essas não possuem fechamento hermético das tampas, quanto por tampas de concreto que apresentam rachaduras devido ao manuseio e/ou execução do projeto.

A verificação do fechamento é primordial para evitar problemas nessas áreas. Tanto nas caixas de esgoto quanto nas caixas de gordura, pode haver retorno devido a entupimentos da caixa (quando o sistema de esgoto for composto por fossas sépticas e filtros anaeróbios) ou quando há mal funcionamento das válvulas que evitam esse retorno.

 5. Saída de água com fluxo descontínuo e falta de água

Se você notar um cessamento temporário do escoamento de água na tubulação, pode ser devido à presença de sifão formando “U” invertido nos ramais de distribuição que dependendo da falta de qualidade ou instalação errônea formam vácuo e bolhas de ar na tubulação. Além disso, se os tubos ventiladores não estiverem funcionando corretamente, a formação de bolhas de ar dentro das tubulações pode levar à completa ausência de água nas tubulações.

6. Problemas na bomba hidráulica

bombeiro-hidraulicoAs bombas hidráulicas são equipamentos que requerem certos cuidados para funcionar corretamente ao longo de sua vida útil, caso contrário elas podem cavitar. Excesso de ruído, movimentos anormais do cilindro da bomba, óleo com aspecto leitoso ou excesso de calor podem ser sinais de que a bomba está submetida à cavitação.

7. Pisos rachados

As redes de água quente estão sujeitas à dilatação térmica e muitas delas estão localizadas em elementos estruturais. Assim, quando submetidas à confinamentos sem espaço para dilatação ou retração acabam rachando os pisos e danificando as juntas de vedação, ocasionando infiltrações.

8. Aumento no consumo de água

Vazamentos, ruídos, infiltrações e saída de água com fluxo descontínuo geram maior consumo de água. Caso você tenha reparado que a sua conta aumentou sem nenhum motivo particular vale a pena ficar de olho nesses fatores ou procurar um técnico que possa te auxiliar no assunto.

Deve-se prezar por um sistema hidráulico de qualidade, já que fatores como a saúde e o conforto estão em jogo. Logo, o projeto de reforma ou construção desse sistema deve ser auxiliado por um profissional habilitado e seguir as normas de regulamentação brasileira sobre instalações hidráulicas no geral, evitando, assim, problemas no sistema hidráulico da edificação.

Quer conhecer mais sobre o assunto? Entre em contato conosco! Ficamos sempre muito satisfeitos em solucionar suas dúvidas.

By | 2017-11-10T15:33:35+00:00 outubro 15th, 2017|Dicas, Projetos|0 Comentários

About the Author:

Ana Elize Candido

Deixe seu comentário