//Evite dor de cabeça! Entenda 5 mitos sobre Projeto Arquitetônico

Evite dor de cabeça! Entenda 5 mitos sobre Projeto Arquitetônico

O projeto arquitetônico é a concepção do espaço a ser criado, que tem por produto final a representação – planta, corte, fachada, elevação – do que foi concebido, para as suas mais diversas finalidades. É nele que se reflete os desejos do cliente e a melhor resposta para suas necessidades e rotina. Por fim, com ele se evitam os maiores problemas que podem ocorrer na obra. Dessa forma, sua importância é muitas vezes subestimada.

De forma geral, muita coisa mudou de uns anos para cá quando se trata de projeto arquitetônico. Muito disso vem do próprio ramo da construção civil, bem como sua legislação, que estão em constante alteração. Por isso, o momento de reformar ou construir sua casa ou seu empreendimento pode causar muita dor de cabeça. Para evitar isso, listamos abaixo os 5 mitos mais disseminados sobre projeto arquitetônico.

1) “Projeto Arquitetônico é Decoração”

Na verdade, existe muita coisa por trás da contratação de um profissional ou empresa para projetar sua casa. Mesmo assim, nem todas estão relacionadas à estética! A funcionalidade, o conforto, o atendimento à Lei, a economia de custos, o menor impacto ambiental, o respaldo técnico, o planejamento financeiro… Todos esses quesitos são de extrema prioridade quando falamos de projeto arquitetônico.

Contudo, o mais importante de se entender é que tudo isso, até a beleza, são fatores relevantes para a construção! Afinal, são através dessas preocupações que pode-se garantir que o projeto cumpra sua finalidade e otimize os recursos disponíveis. Tanto  financeiros quanto ambientais. Além disso, sua casa ou sua empresa  devem satisfazer suas necessidades e ter uma ligação com sua identidade pessoal.

2) “Qualquer Pessoa Pode Fazer”

Esse mito, além de sair caro, pode ser perigoso! Hoje, a realização de obras e reformas depende da obtenção de Alvará pela prefeitura. Isso só é obtido mediante a aprovação do projeto por responsável técnico com atribuição para isso. Atualmente, a legislação nacional reconhece que projeto arquitetônico são atribuições exclusivas do Arquiteto e do Engenheiro Civil, profissões que têm regulação reconhecida pelo CAU e CREA, respectivamente.

Dessa maneira, o descumprimento dessa legislação pode gerar multas e embargo da construção. Afinal, o projeto deve estar de acordo com normas urbanísticas do próprio município. Nesse sentido, apesar das atribuições entre essas duas profissões ainda ser polêmica, reconhece-se hoje que somente esses profissionais possuem formação e habilidades suficientes para realizar esse trabalho. Até porque, como visto no tópico anterior, projeto arquitetônico não tem relação somente com a aparência!

3) “Reforma não Precisa de Arquiteto/Engenheiro”

Muitas vezes não é necessário realizar um novo projeto arquitetônico para que seu local fique do jeito que você quer. Às vezes, apenas uma reforma é mais que suficiente para resolver seu problema. Se a reforma for pequena e não alterar o projeto arquitetônico, como por exemplo no caso de mudança de pintura ou alteração do piso, realmente não será necessário contratar um profissional técnico no ramo.

Contudo, se for necessário alterar o projeto, não se engane! Assim como no projeto arquitetônico completo, você precisará do auxílio de um profissional habilitado para projetar e aprovar essas mudanças. Isso porque, por mais que a reforma seja pequena, é importante ter um profissional capacitado para propor essas mudanças da melhor forma e aprovar esse projeto. Afinal, assim como na hora de construir, você precisará de um Alvará da prefeitura!

4) “Sai Caro!”

O empenho e competência de qualquer profissional exige um custo, o qual varia de acordo com o tipo de serviço a ser realizado e a dificuldade que ele possui. Todavia, é necessário que esse desembolso seja visto como um investimento na minimização dos riscos envolvidos, possíveis imprevistos e dores de cabeça, e, sobretudo, na garantia de um serviço de boa qualidade.

De forma geral, o preço do projeto que você deseja varia dependendo do profissional ou empresa que decidir contratar, pois existem diversos métodos de precificação de projeto. Alguns métodos mais comuns têm o preço variando em função do tamanho do terreno, do número de horas trabalhadas pelos profissionais envolvidos, do valor final do projeto, etc. Para projetos arquitetônicos, o mais comum é que seja calculado um valor de acordo com a área do terreno. Assim, orçar diferentes empresas pode ser uma boa forma de deixar o projeto mais compatível com o que você pode gastar.

O importante de tudo isso é saber que somente com um projeto bem concebido em mãos é possível, ainda na fase de inicial, compatibilizar tudo. Desde os métodos construtivos, materiais a serem utilizados, ou mesmo diferentes projetos (Ex: Arquitetônico e Hidrossanitário).

Acredite: com tudo isso, o projeto é o que reduz o custo final da sua obra!

5) “Projetos Disponíveis na Internet irão Resolver seus Problemas”

Isso deve ser desmistificado não apenas para projetos arquitetônicos, mas para todos os projetos envolvendo o ramo da Construção Civil. Dentre muitos problemas, tem-se que projetos gratuitamente disponibilizados na Internet não possuem a confiabilidade daquele realizado por um profissional contratado por você. Pagar este serviçosignifica também que o profissional contratado tem responsabilidade sobre o que se propôs em fazer. Isso evita muitos problemas para você como cliente.

Projeto arquitetônico é algo único. Tanto por causa do cliente, que é diferente em cada projeto, quanto pelo local em que a obra é realizada, cuja construção deve ser regida pelas normas urbanísticas em que está inserido. Neste último caso, poucas pessoas estão cientes de o projeto arquitetônico leva ainda em consideração os fatores ambientais locais (como luz, vento e arborização). Tudo para que o ambiente criado possa trazer conforto para o principal interessado no projeto: você.

projeto-arquitetonico

Por fim, seja na construção da tão sonhada primeira casa, na reforma de um quarto para o novo membro da família ou finalmente a materialização daquela reforma na casa, um projeto arquitetônico é muito mais que apenas alguns rabiscos em uma folha. Ele é a materialização de um sonho, é algo pessoal pelo qual não medimos esforços na concretização. Por esse motivo, cada projeto arquitetônico é diferente. Pensando nisso, nós da EMAS Jr. gostamos de vê-los como trabalhos individuais concebidos e criados para atender seus propósitos e encaixar em sua realidade.

Já tirou algumas dúvidas sobre projeto arquitetônico e quer saber mais sobre a construção da sua casa? Entre em contato conosco, ficaremos muito satisfeitos em poder ajudar!

By | 2018-06-03T20:49:36+00:00 23 de julho, 2017|Projetos|0 Comentários

About the Author:

Deixe seu comentário